Resenha #41 - No Seu Olhar

por - maio 26, 2016

Título: No Seu Olhar
Autor: Nicholas Sparks
Editora: Arqueiro
Gênero: Ficção | Romance
Páginas: 432
Lançamento: 2016
Skoob (www) | Comprar (www)
Classificação: 
Sinopse: "Filha de imigrantes mexicanos, Maria Sanchez é uma advogada inteligente, bonita e bem-sucedida que aprendeu cedo o valor do trabalho duro e de uma rotina regrada. Porém um trauma a faz questionar tudo em que acreditava e voltar para sua cidade natal, a pequena Wilmington. A cidade também é o lugar que Colin Hancock escolheu para se dar uma segunda chance. Apesar de jovem, ele sofreu mais violência e abandono do que a maioria das pessoas. Também cometeu sua parcela de erro e magoou mais gente do que gostaria. Agora está determinado a mudar de vida, tornar-se professor e dar às crianças o carinho e a atenção que ele próprio não teve. Colin e Maria não foram feitos um para o outro, mas um encontro casual durante uma tempestade mudará o rumo de suas histórias. Ao confrontar as diferenças entre os dois, eles questionarão as próprias convicções. E ao enxergar além das aparências, redescobrirão a capacidade de amar. Porém, nessa frágil busca por um recomeço, o relacionamento deles é ameaçado por uma série de incidentes suspeitos que reaviva antigos sofrimentos. E quando um perigo real começa a se impor, Colin e Maria precisam lutar para que o amor sobreviva. Com uma trama madura e repleta de emoções e de suspense, No seu olhar mostra que o amor às vezes é forjado em crises que ameaçam nos destruir e que o primeiro passo para a felicidade é acreditar em quem podemos ser."

 Opinião: Admito que esse foi o primeiro livro do Nicholas Sparks que li e, apesar de já ter ouvido falar muito bem de suas obras, não pude deixar de ficar impressionada pela simplicidade e ao mesmo tempo a profundidade que ele conseguiu trazer em sua obra.

A história começa com Maria no meio da estrada, com o pneu de seu carro furado e uma chuva torrencial para melhorar. Assustada e sozinha, pode-se pensar que não teria como piorar a situação dessa mulher, mas ao avistar um homem ensanguentado, assustador e o pior ainda, vindo em sua direção, Maria reavalia a expressão 'pior não fica'. Sinceramente, nas opções que vinham em sua cabeça ao avistar aquele homem horrendo vindo em sua direção, morrer seria a melhor delas.

Mas para sua surpresa, aquele estranho que quase fez seu coração sair pela boca, não lhe fez mal. Contrariamente, ele gentilmente trocou seu pneu e ainda a deixou utilizar seu celular para tentar contatar alguém.

Maria, na verdade, é uma advogada. Mas ela não atua na área criminal, justamente por um problema em seu passado, quando trabalhou na promotoria de justiça. Vendo diariamente crimes e assassinos(as), ela decidiu que aquilo não era para ela. Mas sua decisão fora finalmente feita quando acabou se tornando vítima dos familiares de uma moça assassinada cujo caso trabalhou.

O sujeito estranho e apavorante que acabou salvando a vida de Maria naquela fatídica noite era Colin (#spoiler). Ele sabia que não devia se meter com aquela mulher, mas se viu impossibilitado de vê-la sozinha e apavorada e não prestar auxílio.

Até então aqueles dois estranhos nunca mais se cruzariam, mas o destino resolveu pregar uma peça neles e, o que é feito para ficar junto, acaba ficando. A irmã de Maria, chamada Serena, por coincidência, estuda junto com Colin e, após ouvir o relato da sua irmã, resolveu arriscar e ver se o sujeito com a cara machucada em sua sala era o mesmo que havia ajudado a irmã.

O primeiro encontro entre Colin e Maria, logicamente, é armado pela irmã em um restaurante onde Colin trabalha. Ambos se surpreendem ao se verem, Maria por achar Colin estranhamente sexy e misterioso, e Colin por ver Maria como uma mulher estupenda que não se dá conta do tamanho de sua beleza.

Estranhamento, Colin é um sujeito aberto e, após conversarem pela primeira vez, Maria descobre que ele teve problemas com a lei e tem surtos violentos resultantes de uma infância problemática, além de problemas para controlar sua raiva. Para minimizar esses probleminhas, Colin pratica esportes e vai à academia diariamente. 

Maria poderia achar estranho uma pessoa simplesmente contar toda a sua vida em uma conversa, mas Colin é prático e responde simplesmente o que qualquer um quiser saber. Como uma advogada nata, perguntas também saem naturalmente de Maria. A sinceridade de Colin também é estranhamente interessante, visto que o mesmo acaba não medindo palavras para responder ao que lhe é perguntado.

Seus amigos, Evan e Lily foram peças cruciais para ajudá-lo a voltar a estudar e trabalhar, sendo que, sem eles, provavelmente Colin ainda estaria preso. Ambos também são essenciais no decorrer da história, pois ajudam muito Colin no relacionamento com Maria, vez que ele é totalmente inexperiente quando o assunto é namoro.

Quando as coisas parecem finalmente se encaixar, Maria começa a receber bilhetes anônimos, com mensagens sinistras, seguido de rosas mortas. Isso a apavora e a faz reviver os momentos de terror que foram os motivos de ela ter parado de trabalhar na promotoria.

Colin, apesar dos protestos de Maria, começa a investigar aquela situação e acaba descobrindo coisas que podem colocar em perigo não só Maria, mas toda a sua família e ele próprio. Todavia, Colin não mede esforços para protegê-la e acaba colocando em risco também todo o seu futuro, vez que ele não pode ter mais nenhum contato com a polícia, caso contrário, ficará preso o resto de sua vida.

Primeiro, devo dizer que fiquei tocada com a forma como o autor abordou o romance entre Colin e Maria. Apesar de serem de mundos diferentes, ambos lutam e aceitam essas diferenças, mesmo quando temem que a família de Maria não aceite Colin ou até mesmo a reação deles ao saberem que ele é um ex-presidiário. 


"Apesar da confiança que apresentava, Maria percebeu que Colin simplesmente queria ser aceito; a seu modo, ele era tão solitário quanto ela."

Outra coisa que me impressionou foi a capacidade do autor em misturar o romance com tanto suspense! Em um momento estávamos nos deleitando com Colin e Maria e em outro estávamos tensos com mais descobertas sobre o perseguidor de Maria.

Sinceramente, admito que desconfiei de quase todos os homens que cercavam Maria, mas acabei pegando umas pistas aqui e ali e, antes mesmo de desvendarem todo o mistério, eu já tinha minhas apostas prontas e elas não erraram. Ainda assim fui muito surpreendida com o final, com sinais que eu não tinha captado antes e com o desfecho de tudo, realmente impressionante!

A leitura fora toda em terceira pessoa, alternando entre Colin e Maria, o que penso ter sido crucial para compreendermos bem o que estava acontecendo na história. Foi o que me deixou mais envolvida ainda, pois dava para ver o modo como Colin agia de modo protetor com Maria, o modo como ele foi descobrindo que ela era diferente, além disso vimos como Maria via-se aterrorizada com o que estava lhe acontecendo e ao mesmo tempo, descobrindo como ela não conseguia mais viver sem Colin.

"Puxando-a para perto, os lábios dos dois se uniram. Nesse momento, Colin soube que era isso que havia desejado o tempo todo. Quisera que ela ficasse em seus braços, assim, para sempre."

A narrativa também, como já deixei transparecer, foi perfeita. O autor montou um cenário perfeito, descreveu muito bem os personagens, sentimentos e as cenas. Em certos momentos me vi querendo chorar, em outros estava tremendo de tensão e por fim, eu queria mais, muito mais de Colin e Maria.

Não encontrei erros de revisão no decorrer da leitura, nem espaçamentos desnecessários ou erros de formatação. As folhas amareladas auxiliaram muito na leitura, sempre preferi assim. A fonte escolhida ficou ótima e as letras também estavam em tamanho perfeito. Por fim, devo dizer que a editora fez um ótimo trabalho com a capa, pois eu meio que relacionei ela com a história de Maria e ao mesmo tempo com o romance dela e Colin, ficou perfeito!

Super recomendo essa leitura para quem quiser uma dose de romance carregada de suspenses e muita ação! Essa é uma obra do Nicholas Sparks que me surpreendeu muito e espero que vocês também se surpreendam como eu! Tenham uma boa leitura, espero que tenham gostado e até a próxima! Confiram as fotos que fiz do livro lá no insta do blog! Beijos!



♥ Você também vai amar:

16 comentários

  1. Amei a resenha do livro, porque faz tempo que quero ler esse livro, e agora com a resenha positiva, vou ler com toda certeza!
    Amo romance, ainda mais assim com simplicidade e um pouquinho de suspense. *--*
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, tenho certeza que vai adorar!! Também amo romances, e esse é mais um surpreendedor!
      Beeijo ♥

      Excluir
  2. Oi! Que legal a resenha, amo o Nicholas, tenho alguns livros dele e o meu favorito é Um milagre, já leu? É incrível, leia, sério! A narrativa dele é simples, comove e nos faz entrar na história! Amei
    Beijão, lua
    http://www.a-toca.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Eu adorei esse livro com a pegada do suspense mas os meus preferidos do autor ainda continuam sendo os romances de cortar o coração com os finais que ele dá para os protagonistas hehe. Mesmo o povo dizendo que não gosta, eu amo. Mas nesse ele realmente surpreendeu.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn, eu sempre sofro com os romances sofrência do Nicholas, dessa vez fiquei aliviada haha! Beijos!

      Excluir
  4. Já baixei o livro e estou ansiosa para ler.
    Só preciso ter tempo agora. haha
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Adoro o Nicholas e estou doida para ler esse, porque tem esse suspense em volta da história.
    Esse homem arrasa nos romances.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele arrasa em tudo! <3 obrigada pela visita!

      Excluir
  6. Quero muiito ler esse livro! Adoro os livros dele e recomendo você a ler "A Escolha", "Um Homem de Sorte" e "Um Porto Seguro".
    Adorei a resenha!
    Keth
    www.parbataibooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leeia mesmo, viu! Todos os livros dele valem a pena serem lidos <3
      Obrigada!

      Excluir
  7. Foi até agora a resenha que mais me empolgou! Sério mesmo! Eu tenho o livro, ele está aqui, eu olho pra ele, ele olha pra mim e ainda não li rsrsrsrsr Não imaginava um suspense tão amarradinho!! Agora sim, meu deu uma mega vontade de ler! rsrsrsrs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  8. Que bom que a sua primeira experiência com o Sparks foi tão positiva. Acertou na escolha de livro ;) Eu não curto muito romance, então nem me arrisco com os livro do autor, mas para quem gosta, acho que Sparks é sempre uma boa pedida, né?
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma ótima pedida, devia dar uma chance, garanto que irá gostar! <3 obg pela visita!

      Excluir