Resenha #83 - Deixe a Neve Cair

por - outubro 28, 2016

Título: Deixe a Neve Cair
Autores John Green, Maureen Johnson e Lauren Myracle 
Editora: Rocco
Gênero: Literatura estrangeira, contos
Páginas336
Lançamento: 2013
Skoob: (Ler +)
Comprar: (Submarino)
Classificação: 
Sinopse: Na noite de natal, uma inesperada tempestade de neve transforma uma pequena cidade num inusitado refúgio romântico, do tipo que se vê apenas em filmes. Bem , mais ou menos. Porque ficar presa à noite dentro de um trem retido pela nevasca no meio do nada, apostar corrida com os amigos no frio congelante até a lanchonete mais próxima ou lidar sozinha com a tristeza da perda do namorado ideal não seriam momentos considerados românticos para quem espera encontrar o verdadeiro amor. Mas os autores bestsellers John Green , Maureen Johnson e Lauren Myracle revelam a surpreendente magia do Natal nestes três hilários e encantadores contos de amor , inteligados, com direto a romances, aventuras e beijos de tirar o fôlego.

 Opinião: Sabe aquele livro que você mal lê 15 páginas e já não consegue mais parar de lê-lo?! Pois bem, foi o que aconteceu comigo nessa leitura. Os três contos (os três autores) conseguiram me prender nas páginas do começo ao fim! É divertido, incrível e simplesmente repleto de aventuras, impossível resistir. 

Esse livro nos traz três contos, todos contando uma ventura ocorrida na véspera de natal. O primeiro deles é 'O Expresso Jubileu', escrito por Maureen Johnson, e foi o meu preferido de todos. Neste, a autora nos traz  a história da garota Jubileu, esse é seu nome mesmo e ela odeia, mas tem que aceitar. Jubileu precisa fazer uma viagem para Flórida a fim de passar o natal com seus avós, uma vez que seus pais se envolveram em uma briga em uma loja natalina e acabaram sendo presos. Assim, a jovem é obrigada a se deslocar até Flórida e ainda ter que deixar seu namorado "perfeito" pra trás. Essas aspas se desfazem quando o leitor conhece Stuart e entende o porquê. 

Porém, em decorrência de uma nevasca, todos acabam ficando presos no trem em Gracetown, e dali Jubileu se refugia em Waffle House até que o problema do trem seja resolvido. Essa parte é o melhor momento da história, que é onde Jubileu conhece Stuart, uma garoto divertido, fofo e inteligente. O jeito dele me pegou de surpresa, porque primeiro vi um idiota, mas depois vi que só era fofo e engraçado rsrs. É o jeito dele, nunca vi garoto igual, é uma mistura de nerd pateta lindo, sei lá, fica a critério de cada leitor. 

Durante o tempo em que Stuar fica na companhia de Jubileu, ela  passa a saber um pouco sobre avida amorosa de Stuart e assim se vê questionando acerca de seu namoro também, como, por exemplo, o porquê de seu namorado "perfeito" (de novo) não se importar em ver a namorada presa em um trem na véspera de natal ou ainda sem ao menos ligar pra ela, porque isso era o que um namorado legal deveria fazer quando a namorada estiver em apuros. 

Esse conto da  Maureen Johnson foi narrado em primeira pessoa pela Jubi, é um conto maravilhoso e repleto de fofura. Em algumas partes da história é praticamente impossível não rir sozinha, até porque Jubileu tem um pensamento bem estranho e o leitor, se for estranho também (aqui é o caso), se identifica totalmente. E enfim, tudo acontece no seu momento certo e inesperadamente. Então, não leia pensando que na metade da história vai descobrir alguma coisa, porque você não vai.

Ainda, o que me deixou mais surpreendida foi ter conhecido a escrita da Maureen Johnson. Eu não conhecia, acreditem. Mas agora já fico com altos pensamentos só de imaginar seus outros livros e eu na expectativa de ter tempo para lê-los.


Nesse segundo conto, escrito por John Green (O Milagre da Torcida de Natal), conhecemos Tobin, que está junto com seus amigos se preparando para passar a véspera de Natal assistindo uma maratona de filmes. Está tudo resolvido para o natal, até que eles recebem uma ligação inesperada de um amigo, chamando-os com urgência até a Waffle House, que naquele momento estava chovendo meninas perfeitas, líderes de torcida, lógico!

Tobin não hesita em aceitar o convite de ir para a Waffle House tampouco seus amigos. Porém, essa corrida tem que ser rápida, já que são poucas líderes de torcida disponíveis e outros rapazes naquele momento também estavam a caminho de Waffle House, mas ali não teria espaço pra todo mundo. Esse outro grupo também foram convidados a irem, e quem chegar primeiro ganha, certo? Assim, os garotos correm contra o tempo na nevasca com o carro dos pais de Tobin (escondido), intitulado como Carla. E é claro que o carro Carla tem probleminhas no meio do caminho só pra injuriar os garotos. 

Ri demais com O Milagre da Torcida de Natal, e estou surpreendida com John Green. Já devo ter mencionado inúmeras vezes, seja aqui no blog ou comentando postagens de outros, que nunca me adaptei com as histórias dele. Na verdade, até gostei um pouco, porém, nenhuma me surpreendeu como esta, então é a primeira vez, e espero que tenham próximas, porque eu adoro gostar da ideia de dar chance aos autores.

A parte do romance fofo (achou que essa não ia ter?) é bem inesperado também e acontece em torno de Tobin e sua melhor amiga, Duke. Tem nome de homem, mas é menina mesmo, só que uma menina estranha e não muito feminina. Mas peraí, Tobin não está ansioso pra ver as líderes de torcida?


E por fim, temos 'O Santo Padroeiro dos Porcos', da autora Luaren Myracle. A protagonista é Addie, que enfrenta uma fase difícil após findar o namoro, que aparentemente se deu porque Addie só pensava em si mesmo e era um pouco egoísta no namoro.

Eu, particularmente, não pensei isso, mas sim ao contrário, que o motivo do término fora o namorado (chato e sem graça). Então Addie passa pelo pior momento de sua vida, uma vez que ainda sente falta de Jeb (namorado chato e sem graça). Assim, nada melhor do que a companhia das amigas para tentar superar esse transtorno amoroso, certo? Então para provar que ela foi a culpada pelo término do namoro e sobre ela pensar somente em si, ela se encarregada de pegar o mini porco de sua amiga. Essa é a prova de que é uma pessoa diferente daquilo que pensam. 

De todos os contos lidos esse foi o que menos gostei. Pra ser bem sincera fiquei meio desanimada no começo, então é um pouco grave. Porque ao contrário do que ocorreu aqui, na primeira história eu fiquei tipo "Oh my good".

Enfim, esse livro veio como um presente pra mim, pois foi a primeira vez que li uma história onde os autores trazem seus contos totalmente diferentes e ao mesmo tempo interligadas, como por exemplo o local dos fatos onde alguma parte da história se passa (Waffle House - eu tenho vontade de ir lá), a época do natal, e ainda os personagens.

Como eu havia narrado pelas histórias acima, as mesmas líderes de torcida que estavam na Waffle House ficaram com Jubileu presas na nevasca, e foi bem por esse motivo que primeiro Jubileu decidiu sair dali, uma vez que não suportavam ficar na presença das garotas. Posteriormente, estas foram para lá e então temos o motivo da vinda dos garotos e Duke. 

Ademais, em relação a diagramação, não há o que reclamar, já que está toda perfeita. As páginas são branquinhas, o que só é ruim se o leitor estiver com mãos sujas, mas não se lê livros com mãos sujas, então esse não é um problema e acho até mais bonitinho. Assim, fica mais destacável as letras que estão em bom tamanho e na cor escura (claro). Assim, como está tudo impecável, também não encontrei erros de revisão ou defeitos na narrativa dos autores. A capa também merece elogios, já que está fofa.

Esse livro tem um clima de natal e tanto, hein gente! Super recomendo a leitura para todos os leitores que adoram essa época, e penso que o livro deveria ser lido no natal também pra fazer a combinação perfeita, né?

Então é isso, gente. Espero que tenham gostado da resenha e sintam vontade de ler, porque vale super a pena e minha recomendação está de pé. Beijos e até a próxima!


♥ Você também vai amar:

27 comentários

  1. Oooooie! Se eu te contar que todas as vezes que eu vou em uma livraria eu fico namorando esse livro, você acredita? Sério, só de ver que tem John e Lauren eu já fico toda feliz, pois ambos os autores já conquistaram a pessoa aqui com outros contos/livros. E essa resenha gente? Super me identifiquei com a Jubileu HAHAHAHA
    xoxo'

    Adolescência Nerd

    ResponderExcluir
  2. Eu estou salvando esse livro pra ler justamente na época do Natal. Pra entrar no clima e tals...
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do sorteio Halloween Literário

    ResponderExcluir
  3. Nunca li, mas já ouvi muito gente falando bem dessa história. Essa história parece ser muito amorzinho <3

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  4. Suas resenhas são maravilhosas! Não conhecia esse livro e achei um mimo só. ❤

    Blog Minuto de Bobeira

    ResponderExcluir
  5. Que bom que você gostou!!
    Eu adoro John Green <3
    Só falto ler Quem é você, Alasca? e esse aí *.*
    Vejo muitos comentários positivos, muito bacana!!

    Beijinhos :*
    Sankas Books

    ResponderExcluir
  6. Eu acho essa capa linda! Não linda ainda, mas adoro contos e agora fiquei curiosa com a escrita de Maureen Johnson!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  7. Olá.
    Geeente parabéns pela resenha. MARAVILHOSA.
    Já conhecia o livro por capa, mas não sabia do que se tratava cada conto e sua resenh foi simplesmente completa. Sem dúvida fiquei animada para ler o livro, mesmo não sendo fã de contos.
    Agora não se preocupe pelo fato de nunca ter tido lido algo do Maureen Johnson antes, pois eu nem mesmo nunca tinha ouvido falar dele antes jkkkkkkkkkk
    ótima resenha, parabéns mais uma vez.

    ResponderExcluir
  8. Oiie.
    Ai, ai! Esse livro esta me perseguindo essa semana! Perdi a conta de quantas pessoas eu vi lendo esse livro esses dias... No colégio então várias pessoas estavam falando sobre ele e eu ainda não li. :/
    Tenho esse livro, porém, outros acabam sempre passando na frente na minha lista de leituras!
    Gostei do post e percebi que preciso mesmo ler logo essa obra!
    Beijos,
    Keth.
    Blog: www.parbataibooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Eu morro de curiosidade com esse livro.Sei lá, parece tãooo bom e os autores são os melhores né <3

    Gossssxto muito :)

    beeijão
    http://www.carolhermanas.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Esse é o único livro do João Verde que ainda não tenho na estante, gostei bastante dos outros livros que li dele e tenho certeza que esse não será diferente, e ainda mais se tratando de contos juntamente com outros autores, formando uma combinação perfeita.

    ResponderExcluir
  11. Olá
    Tinha muita curiosidade de ler esse livro, gosto de histórias que a principio parecem isoladas, mas depois percebemos que existe um fio condutor que liga todas as histórias, mas com o tempo, e resenhas lidas, fui perdendo essa vontade, a maioria diz ter gostado de apenas uma das histórias, que varia de acordo com o resenhista, que bom que te agradou, eu espero ler algum dia, quem sabe na época de natal, para entrar no clima.

    ResponderExcluir
  12. Olá, eu sempre tive vontade de ler esse livro. Primeiro por causa do John Green e depois por causa do Natal, amo essa época do ano e esse livro tem tudo a ver com essa data comemorativa. Fico feliz que tenha gostado do livro, sua resenha me deixou ainda mais curiosa a respeito dele.

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Gosto muito desses livros de contos, e esse está na minha lista de desejados há um tempo.
    Quero comprar para ler durante o natal e resenhá-lo lá no blog.
    Um ponto positivo é que as histórias se interligam. Gosto muito quando os autores utilizam esse recurso.

    Abraço!
    http://tudoonlinevirtual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Desde o ano passado eu quero ler esse livro e nunca acho na minha cidade :/ Sou doido pro contos e sei que vou adorar esses <3
    http://b-uscandosonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Tenho esse livro na minha estante há muito tempo mas nunca dei muita bola pra ele porque, apesar de ter todos os livros do John Green não gosto muito dele como autor. Contudo você conseguiu me deixar curiosa pois adoro contos que são interligados, assim como esses. A Maureen Jonhson não é muito conhecida por aqui, então não se preocupe por não a conhecer antes, rs. Já li outros contos e não teve um que eu não tenha gostado (o meu favorito é o conto dela que tem no livro Zumbis X Unicórnios).
    Parabéns pela excelente resenha.
    Beijos!
    Por Livros Incríveis

    ResponderExcluir
  16. Oi, oi!
    Eu quero muito ler esse livro, mas dou uma desanimada a cada resenha! Sempre tem um conto que não é tão legal quanto eu espero, mas vou ler ainda assim hehehe
    Beijos!
    Borboletas de Papel | fanpage - twitter - instagram
    Participe do sorteio dos livros "Filha da Floresta" e "Invernos da Ilha"!

    ResponderExcluir
  17. Oie! :)
    É muito bom quando um livro alcança nossas expectativas. Nunca li nenhum livro dos autores mencionados, mas com certeza vou querer ler! Parece ser um livro envolvente!

    Beijos,
    Eli - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Não curto muito esse gênero. Na verdade estou meio que correndo mt dele mesmo... rs... Fico feliz que tenha curtido a leitura.

    Raissa Nantes

    ResponderExcluir
  19. Eu sou completamente apaixonada por essa obra, eu li ano passado retrasado no natal, adoro os livros com esse tema e que possuem neve, me encantam muito.
    Amei a resenha.
    Abraços

    ResponderExcluir
  20. Oie
    ainda nao li o livro mas tenho muita curiosidade e quero ler no natal, vi varios elogios e espero adorar tanto quanto todos

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Ola lindona a capa do livro é linda, amo capas azuis, mas confesso que a escrita do John não me anima a ler já tentei alguns livros e o ritmo de sua escrita me incomoda por ser mais lenta. Fico feliz que um dos contos te agradou. beijos

    Joyce
    wwww.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  22. Olá, você acredita que eu tenho esse livro na minha estante e ainda não o li?!!!
    Ainda não consegui me interessar pela leitura. Minha filha adora os livros dele. O único que li até agora foi A Culpa é das Estrelas. Mas vendo a sua opinião sobre as histórias aguçou minha curiosidade pela leitura. assim que puder vou ler!
    Bjusss

    ResponderExcluir
  23. Oie!
    Eu tenho uma admiração muito grande pelo John Green! Não conheço os demais autores, mas morro de vontade de ler esse livro. Sua resenha está incrível de verdade e me aguçou a curiosidade de ler, quem sabe não realizo a leitura em dezembro em comemoração ao natal já que o clima natalino é tudo nesse livro

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  24. OOi!
    Ainda não li esse livro, amoo o Green, e o fato de ter dedo dele ai já é um motivo para eu gostar! haha Mesmo não curtindo muito contos, acho que alguns desses me agradariam bastante!
    Dica anotada!

    ResponderExcluir
  25. Pra mim o problema das páginas brancas é outro, elas refletem muito a luz e por isso acho a leitura meio desconfortável. Mas li esse livro e valeu a pena superá-las, curti bastante as histórias, a primeira também foi a minha preferida. Li na época do Natal. :)

    ResponderExcluir
  26. Olá, meninas!

    Nossa, acabei de separar esse livro pra lista de leituras deste mês! Adoro quando chega essa época do ano, sempre separo histórias que aconteçam ou remetam ao natal. Entro no espírito e saio devorando tudo que me aproxima do espírito natalino, acho o máximo! E esse é meio coringa justamente por ter histórias curtas, ou seja, a gente pode ler separadamente, entre um livro e outro. Amei!

    Ótima resenha!

    Leitoras Inquietas

    ResponderExcluir